Read Prantos, amores e outros desvarios by Teolinda Gersão Free Online


Ebook Prantos, amores e outros desvarios by Teolinda Gersão read! Book Title: Prantos, amores e outros desvarios
The author of the book: Teolinda Gersão
City - Country: No data
Loaded: 1347 times
Reader ratings: 7.6
Edition: Porto Editora
Date of issue: October 2016
ISBN: No data
ISBN 13: No data
Language: English
Format files: PDF
The size of the: 19.31 MB

Read full description of the books:



A morte de um homem amado; o pranto de uma mulher que falha uma promessa e se julga castigada; uma mãe, uma filha e o cheiro venenoso das acácias; uma mulher que se extravia dentro dos seus sonhos; aquele elevador com alguém preso lá dentro; o futebol, implacável jogo bravo; setenta e cinco rosas cor de salmão, seguras por um laço de seda e embrulhadas em papel de prata; solidariedade machista, conselhos de um velho a um rapaz; uma água-marinha que traz uma mensagem; não cobiçar as coisas alheias; uma teia de enredos, e a Alice que caiu num buraco do qual dificilmente conseguirá sair.
Catorze contos extraordinários, de uma das autoras mais consagradas e inquietantes da literatura actual, que nunca deixa de nos surpreender com a acutilância e profundidade da sua escrita.


Download Prantos, amores e outros desvarios PDF Prantos, amores e outros desvarios PDF
Download Prantos, amores e outros desvarios ERUB Prantos, amores e outros desvarios PDF
Download Prantos, amores e outros desvarios DOC Prantos, amores e outros desvarios PDF
Download Prantos, amores e outros desvarios TXT Prantos, amores e outros desvarios PDF



Read information about the author

Ebook Prantos, amores e outros desvarios read Online! Escritora portuguesa, nascida em 1940, formada em Filologia Germânica em Coimbra. Doutorada em 1976 e professora catedrática da Universidade Nova de Lisboa, foi leitora de Português na Universidade de Berlim e assistente na Faculdade de Letras de Lisboa. Autora de vários trabalhos de crítica literária, recebeu duas vezes o prémio de ficção PEN Clube, atribuído ao seu livro de estreia, O Silêncio, em 1981, e ao romance O Cavalo de Sol, em 1989. Foi também galardoada com o Grande Prémio da Associação Portuguesa de Escritores em 1995 e, na Roménia, com o Prémio de Teatro Marele do Festival de Bucareste (adaptação da obra ao teatro) com o romance A Casa da Cabeça de Cavalo. Em maio de 2003, o seu livro Histórias de Ver e Andar foi galardoado com o Grande Prémio do Conto 2002 Camilo Castelo Branco, da Associação Portuguesa de Escritores. À edição inglesa de A árvore das palavras (The Word Tree, Dedalus, 2010) foi atribuído o Prémio de Tradução 2012. A ficção de Teolinda Gersão desenvolve, na escrita contemporânea, uma poética romanesca original, abrindo a narração, a que o respeito pelas categorias de espaço, tempo, personagens, intriga confere certa verosimilhança, a uma irradiação de sentidos que decorre de um metaforismo assumido de forma estrutural pela narrativa. Não que as personagens e as suas relações, os temas ou os seres se reduzam a um carácter alegórico: o que ressalta é que por detrás da "história" estão em conflito pulsões humanas universais, frequentemente centradas sobre a dinâmica dos opostos (homem/mulher, caos/cosmos, racionalidade/loucura, entre outros). A ilusão da transparência, obtida por uma ordem sintagmática nítida, pela simplicidade da frase, despojada de tudo o que é acessório, pela redução do número de personagens, pela simplificação da ação, confere, então, às suas narrativas o estatuto de uma escrita mítica, cujo objetivo não é a representação, mas o conhecimento. Ao mesmo tempo, cada uma das suas narrativas, desenvolvendo até à exaustão algumas metáforas centrais (o cavalo, o teclado, etc.), desfibra todo o tipo de alienação social e mental subjacente à rutura dos princípios de harmonia invisível e de unidade íntima do homem com o universo. Como a pianista (e a romancista) de Os Teclados, Teolinda Gersão, diante de um "mundo fragmentário" e "indiferente", onde "as pessoas não formavam comunidades e só havia valores de troca", um "mundo vazio", persiste em tentar desvendar enigmas, como se a escrita e a exigência de rigor fossem "a transcendência que restava": "Aceitar o nada, o mundo vazio. E apesar disso, pensou levantando-se e sentando-se no banco - apesar disso sentar-se e tocar."


Reviews of the Prantos, amores e outros desvarios


ALEX

Interesting, exciting story.

CALLUM

The most cool book

ELLA

Pozitivnenko, but naпve to the ugly.

HARVEY

Phone number you need to drive for protection against robots I wrote a phone and downloaded no problem.

JULIA

Reality has surpassed expectations.




Add a comment




Download EBOOK Prantos, amores e outros desvarios by Teolinda Gersão Online free

PDF: prantos-amores-e-outros-desvarios.pdf Prantos, amores e outros desvarios PDF
ERUB: prantos-amores-e-outros-desvarios.epub Prantos, amores e outros desvarios ERUB
DOC: prantos-amores-e-outros-desvarios.doc Prantos, amores e outros desvarios DOC
TXT: prantos-amores-e-outros-desvarios.txt Prantos, amores e outros desvarios TXT